Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Bolas...que se lixe

por Bolinha de Pelo, em 05.11.14

                                                                  10384553_969717913044200_3088292367997653875_n.png

Não sei se ás vezes é pior a sensação de arrependimento que nos ataca quando em determinadas alturas pensamos que se pudéssemos voltar no tempo teríamos a oportunidade de dar um rumo diferente ás situações ou a sensação da triste realidade que mesmo que pudéssemos voltar no tempo todas as situações seriam sempre inalteráveis nada as fazendo seguir um rumo diferente…

De há 2 anos para cá o meu dia de anos transformou-se no pior dia da minha vida, um dia no calendário que desejava que fosse possível “saltar”,o dia que me faz recordar que tudo aquilo que para mim sempre teve um significado tão importante na realidade nunca existiu, em nenhum momento foi verdadeiro.

O dia que me faz recordar mais acentuadamente a questão que varias vezes meto a mim própria “Se não conhecemos ou deixamos de conhecer aqueles que sempre nos foram próximos em tantos anos de convivências e partilhas como podemos algum dia vir a conhecer aqueles que nos são menos próximos ou aqueles que se aproximam?”Onde vamos ai presentemente e futuramente “desenterrar” a capacidade de superar e conseguir acreditar?

Numa das musicas da Ana Moura que mais adoro há uma frase “Tudo é eterno num segundo”…E tanto o são as coisas boas, como as coisas más…Infelizmente tal como temos o poder de em segundos eternizar para nós todas as coisas boas que nos acontecem na vida, também temos o poder de eternizar todas as más, porque na verdade só é eterno aquilo que nos marca…as coisas que nesses segundos tiveram o poder de nos transformar positivamente ou negativamente…De alguma forma nos alterar…

Quase todos os dias,se não todos, desses seiscentos e tal dias banais do calendário, os meus pensamentos em certas alturas navegam sempre em direcção ao mesmo “local no tempo” e dou por mim a fazer-me sempre a mesma pergunta sem resposta… “Porque?”…”Quais as razões?”…”vivemos todos uma mentira?”…”Valorizei aos extremos coisas que nunca existiram?”...”Como é possível?”…mas esses pensamentos vão passando em silencio nesses dias sem significado acabando sempre por me provocar uma certa tristeza momentânea que tento sempre “travar” com a frase “Bolas que se lixe”…mas no meu dia de anos esses pensamentos intensificam-se provocando-me realmente um estado de tristeza incontrolável e duradoiro principalmente quando me apercebo que mesmo que pudesse voltar no tempo todas as situações eram inalteráveis e o presente seria o mesmo porque bastaram segundos para conhecer quem “desconheci” a vida inteira…segundos que tornaram o presente imperdoável…

Talvez um dia mais tarde seja possível voltar a juntar ao meu dia de anos outros valores que lhe deiam um novo significado e só posso desejar que esses sejam verdadeiros e eternos...

...E como hoje é outro dia....."Bolas...que se lixe"...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:57



Mais sobre mim

foto do autor